Rio Preto




Rio Preto retoma fiscalização por drone para identificar e punir o descarte irregular


São José do Rio Preto, 07 de dezembro de 2021 - Foi retomada, pela Prefeitura de Rio Preto, a fiscalização por drone com o objetivo de identificar e punir quem descarta lixo e entulho em locais proibidos.

O secretário de Serviços Gerais Ulisses Ramalho garante que a tecnologia do equipamento, mesmo a 30 metros de altura, é capaz de identificar com imagens claras os sujões que descartam em locais proibidos.  “As imagens do drone não deixam nenhuma dúvida dos veículos, consequentemente chegamos em quem está descartando material inservível, e assim podemos identificar o proprietário e punir com multa pesada para aqueles que não pensam no próximo”, afirma o secretário.

Nos últimos voos, no fim de novembro, foram filmados 11 flagrantes. Alguns veículos, entre eles uma picape com a carroceria carregada de restos de construção civil, foi filmada duas vezes no mesmo dia. Na primeira vez o veículo descarrega todo o material (restos de pedras e outros materiais da construção civil) que estava na caçamba.

Em outra imagem, o mesmo veículo retorna ao ponto de descarte proibido no Residencial Ana Célia, com restos de poda de árvores; e ainda em outros flagrantes o motorista percebe que está sendo filmado pelo drone e as imagens mostram o homem tentando tampar as placas com papel e sacos plásticos e assim dificultar a identificação do veículo. Mas não adiantou: o equipamento já havia filmado em imagens anteriores o mesmo veículo fazendo dois descartes no local proibido.

“O motorista tentou ser mais esperto, não sabia que o drone já havia registrado as placas. Dessa forma podemos acionar a Guarda Civil Municipal para fazer a abordagem”, ressalta o secretário.

O chefe do departamento de fiscalização de Serviços Gerais Carlos Savazo disse que essas últimas imagens registradas pelo drone estão sendo analisadas pelos técnicos. "Todos os veículos serão identificados pelo cadastro de Registro de Veículos e encaminhados ao departamento de fiscalização para notificação e multa”, completa Savazo.

A multa para o infrator varia de 10 UFMs (R$ 629,60) para descarte de até 1 metro cúbico de entulho/lixo e a 100 UFMs – Unidades Fiscais do Município para descarte acima de 1 metro cúbico – valor de hoje R$ 6.296.

“Estamos apostando, mais uma vez, que essa multa pesada vai ajudar a desestimular o descarte irregular. Pode ficar bem caro sujar a cidade jogando lixo e entulhos de construções em locais proibidos. Estamos de olho do alto”, disse Ulisses Ramalho, que comunica que a fiscalização já começou, vários flagrantes estão sendo filmados e vão continuar as operações.

A SMSG já utilizou essa tecnologia em 2019 e agora comprou mais 30 horas de voos que irão novamente contribuir nessa identificação dos infratores que descartam rotineiramente em diversos pontos e áreas públicas da cidade.

De acordo com a Secretaria, as equipes de limpeza recolhem em média 3.000 toneladas de lixo/mês  e tem um gasto mensal estimado entre R$ 350 mil a 400 mil mensais só com a limpeza desses locais de descarte irregular.

Um levantamento identificou cerca de 200 locais onde acontecem descartes. O equipamento eletrônico com recursos de câmeras de alto alcance e definição de imagens irá ajudar na identificação do veículo, consequentemente do seu proprietário, que descarta e espalha lixo e entulho em terrenos particulares e áreas públicas.

“A cidade tem 18 pontos de apoio que funcionam de domingo a domingo e recebem esses materiais, inclusive que podem ser reciclados pela Usina Municipal e não precisam ser jogados nas ruas e áreas públicas”, completa o secretário Ulisses Ramalho.

Foto: Divulgação/Prefeitura de Rio Preto




Últimas Notícias sobre Rio Preto

Site Desenvolvido por
Agência UWEBS Criação de Sites

Categorias

As + Lidas

  1. Super Muffato Damha será um investimento de mais de R$ 45 milhões
  2. Postos de combustíveis estão abastecendo apenas com declaração de atividade essencial ou de servidor público
  3. Comércio e serviços poderão abrir seis horas por dia de quarta a sábado apenas
  4. Prefeitura divulga regras para reabertura de restaurantes, salões de beleza e academias
  5. Região do bairro São Francisco lidera o ranking de Rio Preto
Ir ao Topo