Mercado




Agronegócio brasileiro se consolida como um dos mais eficientes do mundo


Mesmo depois de quase dois anos com o cenário econômico abalado devido à pandemia de Covid-19, o setor do agronegócio tem se destacado e ganhado cada vez mais força. A confiança no agro tem apresentado resultados motivadores, segundo o levantamento realizado pela Fiesp, a Federação das Indústrias do Estado de São Paulo, demonstrando que o setor de máquinas e equipamentos registrou alta de 2,4 pontos no segundo trimestre de 2021, em comparação ao primeiro trimestre do ano. 

Com experiência de mais de 10 anos no ramo do direito para Agronegócios, o escritório De Oliveira e Féboli Sociedade de Advogados, com escritórios sediados em São Paulo, São José do Rio Preto e Monte Aprazível, atua no atendimento em todas as áreas do Direito, destacando-se pela capacidade de atendimento full time em todas as áreas do Direito Empresarial, Direito para Agronegócios, Direito para Franquias, Direito Penal, Direito Civil, Direito de Família e Sucessões, Compliance, Direito de Contratual, Direito Ambiental, Direito Bancário, Direito Consorcial, Direito Imobiliário, Direito Societário e M&A, Direito Securitário, Direito Trabalhista, Direito Tributário e Reestruturação e Recuperação de Empresas, na esfera Consultiva e Contenciosa.

Entrevistados pela É RIO PRETO, os sócios do escritório comentaram sobre o trabalho realizado no setor de agronegócios que proporcionou a recente premiação no Anuário Análise Advocacia, maior e mais relevante levantamento realizado do meio jurídico brasileiro. 

O levantamento desse ano reuniu 1.058 escritórios e 2.556 advogados, escolhidos por meio de pesquisa realizada com departamentos jurídicos de grandes empresas e executivos jurídicos de todo o Brasil. Na pesquisa, os entrevistados deveriam indicar os escritórios que mais admiravam e contratariam para trabalhar para suas equipes. 

Formado por cinco sócios, Lucas De Oliveira, Bruna Lemes Féboli, Eduardo J. S. Mariz de Albuquerque, José Alexandre Stefano e Thalita Rosa Campos, o escritório De Oliveira e Féboli – DOeF LAW tem conquistado cada vez mais espaço e reconhecimento no setor do agronegócio.

Qual a importância do agronegócio? 
DOeF:
O agronegócio é responsável pela inclusão de inúmeros setores da economia brasileira, e nos últimos anos o Brasil se tornou uma superpotência mundial na produção agropecuária. As perspectivas de crescimento são as melhores possíveis. Segundo dados do IPEA – Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada, as projeções para 2022 são positivas, e a expectativa é de alta de 3,3% a 3,4% no valor adicionado ao setor, abrangendo um crescimento de 2,2% na produção animal e 3,9% na produção vegetal. 

Como é a atuação do escritório em direito para agronegócios?  
DOeF:
O escritório tem forte atuação e concentração no setor sucroalcooleiro, representando interesses de diversos grupos de Usina de Açúcar e Álcool da região de São José do Rio Preto, produtores rurais e empresas relacionados a esse setor, além de uma expressiva demanda no setor agropecuário, produção de látex e de grãos. Para amparar e garantir a especificidade de cada negócio, o Direito para Agronegócios busca oferecer atendimento especializado no setor e soluções de processos administrativos agrários, ações de desapropriação, consultoria preventiva, assessoria jurídica processual, até mesmo na esfera administrativa. 

Quais resultados advindos desses anos de atuação?  
DOeF:
O renomado anuário “Análise Advocacia” reconheceu o escritório como um dos mais admirados do Brasil na categoria Especializado em Direito Agrário. Já na categoria de Advogado Mais Admirado, também houve o reconhecimento do sócio Dr. Lucas de Oliveira, que teve sua atuação reconhecida na especialidade de Direito Agrário e no setor econômico de Transporte e Logística. O escritório já tinha obtido anteriormente o reconhecimento da publicação análise regional como escritório mais admirado no interior de São Paulo. Além disso, no âmbito internacional, o escritório foi reconhecido no ano de 2020 pelo Instituto Latin American Quality Institute – LAQI, que realizou uma pesquisa sobre profissionais que atuavam na América Latina, reconhecendo o DOeF como referência nos serviços prestados para clientes na América Latina. 

Fotos: Elton Rodrigues




Últimas Notícias sobre Mercado

Site Desenvolvido por
Agência UWEBS Criação de Sites

Categorias

As + Lidas

  1. Super Muffato Damha será um investimento de mais de R$ 45 milhões
  2. Postos de combustíveis estão abastecendo apenas com declaração de atividade essencial ou de servidor público
  3. Comércio e serviços poderão abrir seis horas por dia de quarta a sábado apenas
  4. Prefeitura divulga regras para reabertura de restaurantes, salões de beleza e academias
  5. Região do bairro São Francisco lidera o ranking de Rio Preto
Ir ao Topo